Me lembro como se fosse hoje o dia em que eu percebi que havia chegado no meu limite.
Era uma tranquila tarde de sábado, um dia que parecia comum como outro qualquer. Mas foi nesse dia de aparente normalidade que me vi tomando atitudes extremas e desesperadas: Cortei 10 pedaços de madeira usando uma serra tico-tico bem no meio da minha sala de estar.
Sim amigos, a falta de um espaço para trabalhar me levou ao fundo do poço! kkkkkk
. . . 
O relato acima parece surreal porém é mais comum do que se imagina. Nove em cada dez indivíduos que adoram fazer arte passam pelo mesmo problema: A falta de espaço apropriado para pintar o 7 dentro da própria casa. Aconteceu comigo, pode estar acontecendo com um amigo próximo, ou até mesmo com você. Que tristeza! Rs.
Mas depois de anos sofrendo calada resolvi tomar uma atitude pra mudar minha vida: Transformei a dependência de empregada daqui de casa (já inventaram um nome melhor pra isso gente?! Aff!) no meu “Cafofo Decorviva” das artes, o lugar perfeito pra eu soltar a criatividade sem detonar o resto da casa.
Vou te contar melhor essa história, vem comigo!
Se eu tivesse que dar um outro nome pro “quartinho de empregada” aqui de casa esse nome seria “latifúndio improdutivo”! Ô lugarzinho sem finalidade meu Deus!
Lá tinha um armário trazido de um outro apartamento e só servia pra botar cesto de roupa, tábua de passar e um monte de tranqueiras que eu não usava nunca. Além de não armazenar quase nada útil, já estava há vários meses sem luz e com um ventilador de teto entrando em curto (coisa que eu só vim a descobrir quando mandei desinstalar). Faltava pouco pra pegar fogo. Sinistro!
Decidida e cheia de entusiasmo resolvi botar abaixo o elefante branco marrom e comecei a criar meu  próprio “minifúndio produtivo”! Rs.
 
Se liga no passo-a-passo!

 

Desmontei o armário com o maior cuidado do mundo porque ele não era tão velho e poderia ser doado pra alguém (Se estive ferrado ia pro chão na base da martelada mesmo).
Por trás do armário encontrei uma parede cheia de imperfeições e logo tratei de cuidar da bichinha. Primeiro descasquei toda a tinta antiga com uma espátula porque já estava bem solta mesmo, depois usei massa corrida pra fechar todos os buracos.
No dia seguinte, usando minha lixadeira de mão, lixei a parede todinha e fiquei que nem uma velhinha! kkkk Era poeira que não acabava mais!
Com a parede já bem lisinha parti pra pintura: No fundo do vão apliquei a tinta Cinza Arame da Coral e nas demais branco neve também da Coral. A essa altura o ambiente já estava com outra cara!
Fiz tudo isso num sábado e domingo. Tinha que correr porque o marceneiro viria na segunda! Que emoção!!!

 

Desenhei uma estação de trabalho simples e pedi que meu marceneiro executasse. Em uma semaninha já estava tudo pronto e finalmente eu consegui sentir meu Cafofo tomando forma.
Pedi a ele uma bancada e 2 prateleiras usando toda a extensão do vão (4cm de espessura cada), um grande painel frontal feito com Eucatex perfurado e um gaveteiro solto com rodinhas de silicone. O padrão do MDF que escolhi foi o Western (Masisa) que tem esse aspecto ripado e rústico. Nos detalhes do gaveteiro e frontão da bancada usei MDF revestido no padrão Ágata (também da Masisa). Amei a combinação!
Depois de tudo instaladinho foi só partir pro abraço e adereçar com todas as minhas fofurices, materiais, tranqueiras antigas e belezuras novas… Como todo bom atelier/estúdio/oficina deve ser né?
Vem conhecer meu Cafofinho, vem!
Entre a porta da despensa e o banheiro já tinha um cabideiro que eu fiz há séculos atrás. Foi só colocar umas bolsas coloridas e um quadrinho lindo (Scandinavian Animal I da loja online Na Casa da Joana) pro cantinho ganhar outra cara!

 

 
Olha o gaveteiro que lindão! Pedi gavetas bem profundas pra conseguir guardar até galões de tinta nelas. No lugar de puxadores preferi fazer furos com serra-copo nas gavetas, mais econômico e prático. Repare que até a mão francesa que ajuda na sustentação da bancada é revestida no mesmo tom azul turquesa das gavetas. Totalmente in love!

 

 

Optei pelo gaveteiro solto pra usar como apoio na hora de serrar um pedaço de madeira ou algo do tipo. E também pra facilitar na hora de limpar o chão né?
Essa passadeira linda foi herança da minha mãezinha querida!
]
Tudo organizado e no seu lugar! Que felicidade!!!
Na bancada eu ainda coloquei um pedaço de vidro que tinha aqui em casa pra poder cortar papel usando estilete. Quadrinhos Abacaxis e Diamond da loja online Na Casa da Joana.

 

Que delícia ver minhas ferramentas de uso frequente ao alcance das mãos! Gente, Eucatex perfurado é amor, só digo isso!

 

Botei uma luminária em cima da bancada pra clarear ainda mais o que eu estiver fazendo na mesa. Luz nunca é demais e o climinha fica um charme! As latinhas brancas comprei numa loja de 1,99. Vou comprar mais umas 4 porque são super úteis! O azulejo personalizado foi um presente das Tintas Coral.

 

Olha a entradinha que fofa! É um outro ambiente gente! Quanta diferença!

 

   
Ainda tem um montão de espaço pra preencher no painel mas isso é questão de tempo!

 

Olha o pé de máquina de costura que ganhei do meu amigo Ernane Cortat!!! Só está esperando uma ideia surgir pra virar um móvel divino. Por enquanto fica estacionado por ali!
  
Note que na prateleira de cima eu usei as gavetas do armário antigo pra organizar meus cacarecos. Bastou um triângulo feito com Con-Tact preto pra poder escrever o conteúdo de cada gavetinha com giz. Reaproveitamento nota 10!
O ventilador de teto é um modelo de controle remoto da Britânia. Bem silencioso e bonitinho, super recomendo.

 

 

E aí crianças, gostaram do meu Cafofinho? Tô ansiosa pra saber o que acharam!!!
Eu tô muito empolgada com esse meu novo espaço de criação, um território só meu e focado totalmente no meu trabalho. Tenho certeza que com um espaço apropriado pra trabalhar vou conseguir otimizar melhor meu dia-a-dia e conseguir muito mais tranquilidade pra criar e botar a mão na massa!
Só tem uma coisinha que eu não tô muito satisfeita não… É com o nome do espaço! Chamei de Cafofo porque não tinha nada melhor em mente, mas tenho certeza que você pode me ajudar nisso!
É isso mesmo que você entendeu!!!
Bole um nome bem bacana pro Cafofo Decorviva (só não vale Cafofo Decorviva, tá?) e mande pra gente!! Pode ser aqui nos comentários, na postagem do Facebook, no Instagram @vividecorviva (segue lá!).
O nome mais bacana e que traduzir melhor a vibe do espaço vai ganhar de presente:
2 pôsteres emoldurados em formato A5 da Na Casa da Joana!!!
Não é o máximooooo???!!!
Os quadrinhos lindos que escolhi pra alegrar meu Cafofo poderão estar na sua casa também!!! É só caprichar na criatividade e me sugerir um nome bem bacana pro meu novo espaço! Molezinha!
Ahhh, vai entrando na loja online da Na Casa da Joana pra ir escolhendo logo as suas artes favoritas! Só tem coisa linda! O resultado sai dia 12 de Abril!! Vê se não perde essa!
. . . 
Diz ai pessoal, foi ou não foi uma big transformação, heim? o/
Meus olhinhos brilham! 🙂

Comentários

Comentários