Tudo começou por causa de um sofá.
Quando a Taís me mandou uma foto do seu sofá me agradecendo pela dica e dizendo que comprou um igualzinho ao meu, eu não poderia imaginar o que vinha pela frente. Quando vi aquela foto foi amor a primeira vista tamanha a lindeza de sala criada pela moradora e seu marido. Eram tantos detalhes incríveis que foi inevitável pedir pra Taís me mostrar um pouco mais. 
Para nossa sorte a Taís aceitou o pedido e uma casa cheia de brasilidade e autenticidade veio alegrar nossos olhos e encher nossa cuca de inspiração!
Com vocês, a casa mais brasileira que o Decorviva já recebeu! Você vai “viajar” com tanta beleza, te garanto! 🙂
Meu nome é Taís, sou designer de moda e casada com um geógrafo incrível, o Giuliano. Nossa maior alegria é viajar pelo Brasil e as lembranças dessas viagens estão presentes por todo nosso apartamento.

Há 4 anos quando decidimos casar recebemos de meus pais o melhor presente que um jovem casal pode sonhar: nosso primeiro apartamento! Na época nosso prédio estava em construção (ele é um imóvel da família e avó, tios e primos também tem apartamento aqui) e era minha mãe quem administrava tudo. Acompanhamos cada etapa desde o comecinho e tivemos a oportunidade de decidir como seria cada detalhe.

No começo era tudo novidade, mas através de pesquisas em sites, blogs e revistas a gente foi se familiarizando com o assunto. Queríamos que nosso apartamento refletisse quem somos e que por trás de cada detalhe houvesse uma historia. Aos poucos fomos encontrando nosso caminho. Com pouca grana, muito amor e criatividade “O melhor lugar do mundo” foi surgindo”.
A Sala de Jantar / Estar / TV / Office
“Primeiro decidimos que o piso de todo o apartamento seria de cimento queimado, assim como a parede da sala e que o escritório e a cozinha seriam abertos, assim nosso espaço ficaria mais amplo e atual. 

Fomos comprando tudo aos poucos e alguns móveis nós improvisamos, como é o caso da nossa mesa de jantar. O pé é um tonel de gasolina e o tampo é herança da nossa festa de casamento (a empresa de que alugamos alegou que ele havia estragado durante a festa e tivemos que “comprá-lo”).”

Detalhes que fizeram a diferença: Mesa de Tambor / Luminária em forma de globo terrestre / Cadeiras de modelos diferentes / Banquinho herdado da avó restaurado e com tecido novo / As almofadas em forma de rolinhos feitas pela moradora / Suporte para vasinhos herdado da mãe de Thais e pintado de amarelo por ela / Composição com quadros antigos, presentes de amigos, postais e ilustrações encontradas na internet que foram colocadas em quadrinhos comprados em lojas de R$1,99.

“Da parede que dividia o escritório da sala permaneceu um pilar de concreto que mantivemos aparente, já que esse era um dos meus desejos para nosso apê. Para incorporar o pilar à decoração fixamos prateleiras em forma de “L” e “U” ao seu redor e nelas a gente expõe lembranças de nossas viagens!” 
A primeira foto enviada pela Taís pra mostrar que comprou o mesmo sofá que o meu depois de ter visto aqui no blog. Foi paixão a primeira vista!!!
Detalhes que fizeram a diferença: O mapão do Brasil feito pelo Giuliano / Mesinha da coleção do Rosembaun para a Tok Stok / Poltroninha que faz jogo com o banquinho da mesa de jantar / Sofá da Etna / Manta comprada em Corumbá, fronteira com a Bolívia / Almofadas grandes feitas pela Taís, a bege é indiana e a colorida é de Recife / As cortinas tb foram feitas pela Taís assim como os fuxicos para prendê-las.

“Para mobiliar o espaço começamos com o que a gente tinha em nossos quartos de solteiro, juntamos com a escrivaninha que era do meu irmão, a máquina de costura que ganhei da minha bizavó, o banquinho, a poltrona e a cristaleira que eram da vó do Giuliano, e tudo mais que foi aparecendo. E só depois de saber o que já tínhamos começamos a definir o que mais a gente precisava, como armários, mesa de jantar, sofá e a parte de decoração!”
A Cozinha
A linda cristaleira usada na cozinha pertencia a Dona Terezinha, avó de Giuliano. 
Ao lado da cristaleira, sob o vibrante tom de azul que cobre a parede, pequenos mimos e lembranças de viagens.
A geladeira também exibe orgulhosa todos os lugares visitados pelo casal.


“Pra cozinha queríamos azulejos coloridos e esses foram encontrados em um cemitério de azulejos de Goiânia durante uma viagem.”

A suite
Detalhes que fizeram a diferença: A caixa que veio com as peças para a montagem do elevador foi coberta com tecido, ganhou rodinhas e se transformou em criado-mudo / Bolas de sinuca usadas como porta chapéus (o casal mandou furá-las numa marcenaria) / Colcha de mapa mundi e globo terrestre como abajur / Almofadas feitas pela Taís.

  
“O papel de parede do nosso quarto também foi “feito” por nós, é um patchwork de guardanapos para decoupage aplicados com cola branca diluída”.

“Meu desejo era ter um espelho gigante que fosse desde a parede até o box, mas escolhemos uma opção mais econômica: Os kits de espelhos redondos da Etna e criamos essa composição”.

O Terraço

Que delícia de lugar!!!! #morri
Mais detalhes lindos!

Destaque para as fotos dos casamentos de nossos pais e avós que o casal usou para decorar a mesa do bolo do seu próprio casamento e o cabide de madeira transformado em porta colares.
“Ainda temos alguns projetinhos em mente, mas vamos fazendo tudo com calma e a medida que o tempo passa novas ideias e necessidades vão surgindo, assim vamos amadurecendo e adaptando nossos projetinhos!”

. . .

Mesmo depois de ter montado esse post ainda me pego revendo muitas e muitas vezes as fotos do apê da Thais e do Giuliano. Acho que pra dar conta de perceber todas as escolhas apaixonantes do casal só mesmo fazendo uma visitinha pessoalmente (Aceito convites viu seus lindos?! 🙂 
É maravilhoso pra mim estar em contato com leitores tão inspiradores como eles e constatar que cada casa é um universo rico em histórias e memórias… Um lugar único, singular, por que cada morador é único e sua história de vida está estampada em cada cantinho de um lar feito com amor. Obrigada Taís e Giuliano por abrir a casa, nos inspirar a sermos fiéis as nossas paixões e sobretudo a nos ensinar a torná-las palpáveis através da decoração de nossas casas. #muitoamor

. . . 

E vocês aí, o que dizem? Que tal dar parabéns pra “obra prima” desse casal fofo heim? 🙂

Comentários

Comentários